Conheça os tipos de cinta modeladora e como usá-las!

postado em: Estilo de Vida | 0

Existem diferentes tipos de cinta modeladora no mercado, e cada um deles ajuda a alcançar resultados distintos. Apesar disso, todos reduzem medidas e modelam a silhueta, além de contribuírem para a recuperação no pós-operatório.

Para que você conheça esse produto, suas diferentes versões e os benefícios que trazem, preparamos este artigo. Continue lendo para saber quais são os diferentes tipos de cinta e como escolher aquela ideal para o seu caso.

Qual é a utilidade das cintas modeladoras?

Os modeladores são peças de vestuário utilizadas principalmente com o intuito de reduzir medidas corporais. Quem tem um pouco mais de volume abdominal, por exemplo, pode disfarçá-lo com o uso de uma cinta.

Além desse resultado, os diferentes tipos de cinta modeladora contribuem para a melhora da postura, estimulando o corpo a permanecer em uma posição mais reta e evitando a sobrecarga de estruturas como a coluna.

Esse produto pode ser indicado para quem está em recuperação pós-cirúrgica. Isso porque ele ajuda a reduzir os incômodos no local operado e protege essa área, favorecendo os resultados desejados.

Quem realizou intervenções estéticas se beneficia com as cintas, pois elas trazem mais firmeza para a pele, enrijecendo a região moldada pelo procedimento. Por isso, em algumas situações pode ser indispensável.

Lembrando que é importante escolher a versão adequada entre os tipos de cinta e estar atento ao tamanho. Afinal, é fundamental estar confortável para promover a respiração da pele e não ter os movimentos limitados.

Quais são os tipos de cinta modeladora?

Como existem necessidades diferentes, há vários tipos de cinta modeladora para escolher aquele mais adequado em cada caso. A seguir listamos algumas opções, bem como os benefícios que trazem.

Cinta abdominal

É o modelo mais utilizado, que envolve a cintura promovendo compressão na região abdominal. Ajuda a disfarçar as gordurinhas localizadas nessa região e também melhora a postura.

É indicada para quem quer diminuir o tamanho da cintura e evitar que os “pneuzinhos” fiquem aparecendo na roupa. Essa peça pode ser usada no dia a dia por baixo de qualquer item de vestuário. A Postural Fit da SalvaPé é um ótimo exemplo deste tipo de cinta modeladora.

Camisete

É um dos tipos de cinta modeladora que exigem atenção na hora de usar, porque pode enrolar, já que não tem fechamento entre as pernas. Mas tem suas vantagens, pois modela a cintura, a região do estômago e os seios.

Ideal para quem deseja valorizar todo o tronco e melhorar a postura. Além disso, facilita a ida ao banheiro sendo, portanto, uma ótima alternativa para o dia a dia.

Body

É uma peça maior que faz compressão em todo o corpo, modelando o bumbum, a cintura e os seios. Existe a opção com pernas, que reduz as medidas das coxas. Por dar sustentação aos seios, valoriza o decote e corrige a postura. Peças com abertura entre as pernas facilitam usar o banheiro.

Uma boa alternativa para seu uso é durante os dias mais frios, porque ajuda a aquecer o corpo. Também pode ser usada com vestidos, tanto no dia a dia como para eventos especiais ou festas.

Calcinha

Outro tipo de cinta modeladora são as peças em formato de calcinha. Elas têm o cós mais alto para promover compressão no abdômen, assim, disfarçam as medidas dessa região e ajudam a valorizar o bumbum.

São ideais para quem deseja acentuar a curva da cintura e dar mais volume para os glúteos, além de corrigir a postura. Podem ser usadas sozinhas ou sobre a lingerie. São peças confortáveis e discretas, ideais para qualquer ocasião.

Bermuda

As bermudas de compressão são encontradas em diferentes tamanhos, podendo ser curtas ou seguir até abaixo do joelho. Todas reduzem as medidas do bumbum modelando-o, comprimem as coxas e o abdômen.

São peças ideais para disfarçar celulites, gordurinhas e evitar o atrito entre as coxas, além de minimizar o volume da barriga. Podem ser usadas com calças, bermudas, vestidos ou outras peças.

Todos os tipos de cinta modeladora trazem benefícios, mas reforçamos a importância de escolher o tamanho adequado. Em caso de dúvidas, converse com um especialista para que ele indique a cinta ideal para o resultado que você deseja.

Gostou deste artigo? Então assine nossa newsletter e receba conteúdos interessantes como este diretamente em seu e-mail!

Seguir Equipe Salvapé:

Fundada em 1938, a SalvaPé foi pioneira no mercado de produtos ortopédicos no Brasil. São mais de 80 anos trabalhando em parceria com os melhores profissionais da saúde do país para oferecer produtos com foco em inovação e qualidade. SalvaPé, desde 1938, Produtos Ortopédicos da Cabeça aos Pés.

Deixe uma resposta